na cidade

Viaje até à época medieval durante 2 dias dedicados ao rei D. Afonso IV em Penela

XXVIII Feira Medieval de Penela está marcada para o próximo fim de semana, dias 18 e 19 de maio. A entrada é livre.
Acontece dentro das muralhas do castelo.

Está a chegar ao distrito mais um evento que leva todos os visitantes até à Idade Média. A XXVIII Feira Medieval de Penela decorre nos próximos dias 18 e 19 de maio dentro das muralhas do Castelo de Penela. A melhor parte é que a entrada é livre.

O evento foi organizado pela Câmara Municipal de Penela em colaboração com o Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro e a respetiva associação de Pais. Este ano, a festa será dedicado a D. Afonso IV, filho do rei D. Dinis e Isabel de Aragão. O seu reinado foi marcado por diversos conflitos com Castela, a peste-negra e a execução de Inês de Castro.

Apesar de serem apenas dois dias, a programação promete muita música, animação e gastronomia. Vai poder assistir a espetáculos de dança e música, representações teatrais, bancas de artesanato medieval e atividades para os miúdos.

“É um evento muito especial que destaca o património e promove a visita ao concelho, enquanto proporciona momentos de diversão e convívio da família penelense”, destaca Eduardo Nogueira dos Santos, presidente da Câmara Municipal de Penela.

No primeiro dia, 18 de maio, o tema são as bodas reais. Nesse dia, ao meio-dia, pode assistir ao anúncio do casamento real, da mesma forma que era feito na época. Depois de um banquete, bailes e cortejos, às 20h30, chegou a hora da princesa primogénita de El-Rei de D. Afonso IV de Portugal casar com o El-Rei D. Afonso XI de Leão e Castela.

No dia 19 de maio, domingo, o destaque vai para o cortejo régio, pelas 16 horas, que representa a visita do rei antes de partir para Sevilha e onde serão assinaladas as tréguas com Castela. Ao longo do dia, estão previstos teatros, danças medievais e ainda um treino de armas. A Feira Medieval coincide com os últimos dois dias da semana gastronómica da Caça, por isso será complementada os pratos tradicionais e inspirados na região.

MAIS HISTÓRIAS DE COIMBRA

AGENDA