na cidade

Dormimos no inusitado alojamento, em Coimbra, onde os quartos são cubículos

O Zero Box Lodge fica no coração da cidade e promete uma experiência inovadora. Nós fomos conhecê-lo e contamos-lhe tudo.
Está sempre em silêncio.

A partir do momento em que comecei a minha aventura na New in Coimbra, percebi logo que tinha de deslocar-me frequentemente à cidade. Na minha primeira visita, fiquei numa casa de família, em Tábua. Apesar de não ser muito longe, todas as viagens demoraram mais de uma hora de carro, o que tornou a experiência ainda mais cansativa. Por isso, da segunda vez que me viajei em contexto de trabalho, decidi apostar num alojamento no centro da cidade e deparei-me com o Zero Box Lodge.

Tal como referi, a localização foi o que me chamou mais a atenção. A minha ideia era ficar num alojamento no centro de Coimbra, que me permitisse percorrer a cidade a pé. Ao mesmo tempo, como ia passar pouco tempo no quarto, não precisava de muito espaço. E é exatamente essa a proposta deste spot.

Para quem não conhece, o Zero Box Lodge é um projeto de arquitetura urbana e artística, que pretende revolucionar a forma como as pessoas viajam. O conceito é inspirado nos hotéis cápsula japoneses, que integram cubículos minimalistas, com espaço para a cama. Oferecem, assim, um espaço privado para dormir, além de todo o acesso a instalações coletivas, como refeitórios.

Todos os quartos estão equipados com uma cama de casal, um armário aberto, um banco integrado e ainda uma casa de banho privada. Nada neste espaço é convencional. Quando cheguei, o silêncio levou-me a pensar que estava no local errado. Ainda assim, entrei e fui recebida pela rececionista, que me deu todas as informações.

Carregada com as malas, só pensava em descansar os ombros. Já sabia que era possível deixar as malas, enquanto esperava pelo momento do check-in, num pequeno cacifo de forma totalmente gratuita. E assim foi, larguei toda a bagagem e fui almoçar. Quando voltei, recebi uma cerveja (oferta da casa) e a chave do quarto.

A seguir, parti à descoberta do quarto. Existem três pisos com várias rampas, que permitem subir e descer sem grande esforço. Durante o tempo em que lá estive, não me cruzei com ninguém no corredor. O silêncio foi um dos pontos que mais me surpreendeu, uma vez que sabia que estavam mais quartos ocupados. Todos os quartos têm isolamento sonoro, mas confesso que nunca acredito nesse aspeto a 100 por cento. Neste caso, não restaram dúvidas.

Parece um labirinto.

O quarto era exatamente como esperado. Não tem televisão, nem qualquer aparelho. É composto apenas por uma cama no centro, um armário embutido e uma pequena mesa para colocar as malas e os sapatos, de modo a que não fiquem perdidos no chão e roubem ainda mais espaço a este cubículo. Ainda que seja uma opção prática, não aconselho este alojamento a pessoas claustrofóbicas ou com problemas em estar num quarto pequeno.

Existe apenas uma janela, para a circulação do ar, mas pode optar por abri-la ou não. A casa de banho tem todas as comodidades, desde toalhas, quer para o rosto como corpo, secador de cabelo e ainda champô e gel de banho. Todas as fontes de luz são artificiais, mas bastante subtis. Por isso, se gosta de quartos bem iluminados, esqueça.

Depois de uma primeira “inspeção” às instalações, deparei-me com um par de raquetes de badminton. Creio que o objetivo era jogar dentro do quarto, mas efetivamente não sei como. Por isso, decidi dar um passeio pela cidade. Aliás, o conceito do alojamento é exatamente esse: visitar os pontos de interesse de Coimbra durante o dia e ir apenas dormir ao quarto.

A noite foi passada sem grandes problemas. A única desvantagem foi, sem dúvida, a temperatura do quarto. Embora não tenha ligado todas as luzes, senti a necessidade de recorrer ao ar condicionado, disponível em cada cubículo. Durante a estadia, esse foi o único “problema” que encontrei.

Apesar de não ter experimentado, o Zero Box Lodge tem um restaurante, o BIXOS. Os pratos servidos são de inspiração italiana. Pode provar salada de burrata, tomate e amêndoas (7€) ou canelones de vegetais (12€), por exemplo.

Em Coimbra, existem cerca de 44 quartos disponíveis e as reservas podem ser feitas online. Os preços variam consoante a altura pretendida, mas normalmente os valores oscilam entre os 60€ e 80€ para duas pessoas.

Carregue na galeria para conhecer o Zero Box Lodge, em Coimbra.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Avenida Emídio Navarro, 45
    3000-150 Coimbra
ESTILO
hotel
PREÇO MÉDIO
Entre 50€ e 100€
AMBIENTE
urbano

MAIS HISTÓRIAS DE COIMBRA

AGENDA