na cidade

As temperaturas descem e os aguaceiros continuam esta semana em Coimbra

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera aponta para uma semana bastante imprevisível, com dias nublados e chuvosos.
O tempo vai continuar inconstante.

Nesta primeira semana de junho, as previsões meteorológicas não foram as melhores. Apesar do calor, a chuva e a trovoada persistentes foram as verdadeiras protagonistas nas regiões norte e centro do País, deixando diversos alertas. No entanto, a próxima semana, entre os dias 11 e 16 de junho, promete ser melhor.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), esta terça-feira, 11 de junho, os aguaceiros ainda vão estar presentes, apesar de se registarem alguns períodos de sol. As temperaturas descem ligeiramente até aos 25 graus de máxima e 13 de mínima.

Para quarta-feira, 12 de junho, a chuva começa a dar tréguas e o céu ficará cada vez mais limpo. As temperaturas mantêm-se entre os 25 graus de máxima e os 12 de mínima. As previsões de bom tempo continuam até quinta-feira, 13 de junho. O céu estará pouco nublado, principalmente durante a manhã. A partir das 14 horas, o sol deixará de estar tímido até ao final do dia. As temperaturas descem levemente para os 23 graus de máxima e 11 de mínima.

Já na sexta-feira, 14 de junho, o céu estará bastante nublado e totalmente encoberto durante todo o dia. A possibilidade de precipitação volta a aumentar para os 34 por cento, com máximas que chegam aos 24 graus e mínima de 11. No sábado, 15 de junho, as temperaturas continuam a descer e o sol regressa novamente, principalmente a partir do meio-dia. A temperatura máxima fica então nos 20 graus e a mínima mantém-se nos 12.

Para domingo, 16 de junho, as previsões continuam bastante constantes, com céu nublado apenas com uma pequena aberta às 15 horas. As temperaturas voltam a subir ligeiramente até aos 23 graus de máxima e mantêm-se nos 11 de mínima.

Para combater as constipações de primavera, carregue na galeria e descubra receitas de sopas leves, saudáveis e rápidas de preparar.

MAIS HISTÓRIAS DE COIMBRA

AGENDA