fit

A saia-calção que garante que vai sempre elegante para os treinos

A proposta da Lefties está disponível em duas cores e conta com cintura larga elástica e uma pequena abertura na zona da perna.
Está à venda nas lojas e online.

As skorts foram uma das maiores obsessões dos anos 90. São, no fundo, uma mistura de saia com calção (skirt e short em inglês). Era uma das peças favoritas das celebridades mas acabou abandonada tão rapidamente quanto foi adotada.

Entre voltas e reviravoltas, três décadas depois cá estamos para falar do seu regresso. Um modelo que promete unir a elegância à feminilidade, ao mesmo tempo que é um hino ao conforto.

A verdade é que muitas roupas femininas nasceram no mundo do desporto. Os polos têm origem no courts de ténis, as leggings foram criadas no mundo da ginástica e os calções eram usados em modalidades como o basquetebol, por exemplo. A saia-calção não é uma exceção e também está associada às mulheres que praticavam golfe nos anos 50.

A combinação de uma saia com a funcionalidade de uns calções oferecia e oferece maior liberdade de movimentos e conforto durante o treino, não deixando por isso de ter uma estética mais arranjada. A pensar nisso, a Lefties tem uma sugestão de skort que encaixa na descrição.

A proposta conta com cintura larga elástica que ajuda ao conforto mesmo nos dias em que está mais inchada. É feita num tecido técnico para garantir que é suficientemente transpirável e confortável.

Apesar de ser um modelo curto, não revela nenhuma parte do corpo que não pretenda mostrar e conta ainda com um pequeno pormenor que lhe dá um ar mais moderno: uma mini abertura no lado esquerdo.

A saia-calção custa 39,99€ e está disponível nas lojas físicas e no site da Lefties. Pode comprá-la entre os tamanhos XS e XL e nas cores azul-marinho e preto, ambas fáceis de combinar com qualquer parte de cima, seja ela uma T-shirt básica ou apenas um top desportivo.

Carregue na galeria para conhecer sugestões de sapatilhas que são novidades das marcas.

MAIS HISTÓRIAS DE COIMBRA

AGENDA