Powered by CIM|RC

cultura

“Olarilólé Olarilólei”: Pedro Mafama dá concerto gratuito no Convento São Francisco

Espetáculo do cantor realiza-se na Praça das Bandeiras e integra-se na iniciativa "Cem Portas — O Convento aberto à cidade".
"Preço Certo" é o grande sucesso do cantor.

O cantor Pedro Mafama vai atuar a 3 de setembro, domingo, na Praça das Bandeiras do Convento São Francisco (CSF) em Coimbra. O espetáculo do autor do sucesso “Preço Certo”, mas que é também conhecido pelo refrão “Olarilólé Olarilólei”, tem início às 18 horas e contará com a presença em palco das teclistas Lana Gasparotti e Sónia Trópicos.

Este concerto integra-se na iniciativa “Cem Portas — O Convento aberto à cidade” que decorre entre os dias 1 e 3 de setembro e que contempla, também, espetáculos do novo circo, teatro de marionetas, artes performativas e visuais, entre outras. A entrada em todas as atividades é gratuita. No entanto é necessário o levantamento de bilhetes, que estarão disponíveis a partir das 15 horas de 29 de agosto.

“Cem Portas — O Convento aberto à cidade” arranca na sexta-feira, 1 de setembro, às 19 horas, na sala D. Afonso Henriques, com o cine-concerto “Lugar para dois”, no qual o escritor e cantautor Miguel Gizzas apresenta a história do romance musical, através de sete artes em simultâneo.

Já às 21h30, sobem ao palco do Grande Auditório do CSF Simão Costa e Yola Pinto, uma dupla que tem investigado a relação entre arte e ciência, numa ação não raras vezes provocatória no que respeita ao binómio espaço performativo/espaço expositivo, para apresentar “Encode”, que se vai repetir no dia seguinte, mas às 16 horas.

No sábado, 3 de setembro, com sessões às 16h30, 17h15, 18 horas e 18h45, na Praça do Restaurante, o teatro de marionetas, pela mão de Sandra Neves, diretora artística do micro espetáculo “Ai de Mim, Ai do eu…!”, vai encantar os mais novos. Este espetáculo retrata a procura de uma marioneta efémera feita de barro e mãos, que se despoja acidentalmente do seu ego e altivez.

Às 21h30, na Praça das Bandeiras, Dudu Arnalot, vinda diretamente da Catalunha, interpreta um palhaço com insónia que conduz o público por uma viagem verdadeiramente poética, onírica, repleta de situações inusitadas, divertidas e surrealistas.

Logo a seguir, no mesmo espaço, às 22h30, Joana Carmo Martins recorrendo ao circo, à dança e ao teatro de rua como veículo singular de expressão plástica, apresenta o espetáculo “Carmim, Coração nas mãos”, uma proposta que retrata as histórias, brincadeiras, canções e danças que fazem parte do crescer.

No último dia, domingo, 3 de setembro, às 16 horas, na BRUÁA — Livraria do Convento, chega a hora do conto, pela arte de contar histórias do editor Miguel Gouveia. Às 17 horas, no Café-Concerto, a atuação do Ukulelê Social Club promete oferecer uma viagem musical cheia de alegria, de camaradagem e de intercâmbio cultural.

Logo de seguida, às 18 horas, na Praça das Bandeiras, é a vez de Pedro Mafama apresentar o novo disco “Estava no abismo, mas dei um passo em frente”, um trabalho que convida à dança. Pedro Mafama, autor de “Preço Certo” — a música portuguesa mais ouvida no Spotify em Portugal, vai encerrar, em ambiente festivo, a 6.ª edição de “Cem Portas — O Convento aberto à cidade”, celebrando a entrada na nova temporada do equipamento municipal.

Para mais informações, os interessados devem contactar a bilheteira do Convento São Francisco (diariamente, entre as 15 e as 20 horas) através do telefone 239 857 191 ou do email bilheteira@nullcoimbraconvento.pt.

MAIS HISTÓRIAS DE COIMBRA

AGENDA