Powered by CIM|RC

cultura

Montemor-o-Velho recebe festival que junta música às novas tecnologias

Space Festival afasta a produção cultural dos grandes centros urbanos. Entrada é gratuita, mas é melhor reservar o lugar.
Decorre de 3 a 5 de novembro.

A música experimental e improvisada ganha uma nova vida em Montemor-o-Velho, com a realização do Space Festival. Entre os dias 3 e 5 de novembro, o evento acontece em locais de relevância cultural para a vila, como a Capela de Santo António, o Solar dos Pinas, a Igreja de Santa Maria de Alcáçova, a Igreja de Santa Madalena ou o Teatro Esther de Carvalho.

O principal objetivo deste conjunto de espetáculos é a divulgação da música experimental portuguesa em territórios de baixa densidade populacional e fora das grandes cidades. O festival é constituído por uma programação variada, destacando-se um workshop de efeitos especiais sonoros, uma conversa sobre a descentralização da produção cultural e o seu impacto e a instalação artística “Sublime” O programa completo pode ser consultado online.

A entrada é gratuita, mas a reserva de lugar é aconselhada, podendo ser feita através do email reservas@nullspacefestival.pt, com indicação do nome dos participantes, número de telemóvel e atividades, em que pretende participar. A iniciativa termina apenas a 12 de novembro, pelo que vai passar também por Castelo de Paiva, Mondim de Basto, Lousada, Paredes de Coura, Monção e Caminha.

Cartaz do evento.

O Space Festival surgiu em 1999, em Coimbra, com o objetivo de dar a conhecer a música experimental contemporânea e a junção com as novas tecnologias digitais. O programa continuou em vigor até 2005, tendo passado por cidades como Braga, Porto, Lisboa e Aveiro, mas apenas renasceu em 2021, para estimular a coesão territorial e estendendo-se por zonas do País mais afastadas dos centros urbanos.

MAIS HISTÓRIAS DE COIMBRA

AGENDA