cultura

Coimbra recebe 2 espetáculos para os mais novos no Dia da Criança

Ambas as atuações estão marcadas para 1 de junho no Convento São Francisco. Os bilhetes já estão disponíveis.
Evento para toda a família.

O Convento São Francisco uniu-se à Câmara Municipal de Coimbra para assinalar o Dia Mundial da Criança, 1 de junho. Para este dia especial estão destinados dois espetáculos distintos.

Sábado, 1 de junho, começa com um concerto pela Escola Artística do Conservatório de Música de Coimbra, ao meio-dia, no Grande Auditório do Convento São Francisco. A atuação reúne um coletivo de mais de 300 instrumentistas e cantores do Conservatório, para dar voz aos instrumentistas mais jovens e “fazê-los acreditar na possibilidade de um futuro auspicioso na área artística”, lê-se na sinopse.

A atuação será coordenada por Daniel Tapadinhas e conta com as presenças dos professores Dário Ribeiro, Dina Pinto, Rodrigo Carvalho e Sofia Vinhas. Além disso, vão participar os alunos Ensemble de Arcos, Orquestra de Sopros Juvenil e Coro 2º e 3º Ciclo.

O ingresso está disponível online por 5€ para miúdos maiores de seis anos. Caso queira adquirir a entrada fisicamente, saiba que a bilheteira física está aberta das 15 às 20 horas.

O segundo espetáculo do dia também será no mesmo palco, às 16 horas. A “Roda-Viva (a Menina e o Círculo)” conta a história de Carolina, uma colecionadora de sonhos. Enquanto os outros miúdos dormem, Carolina caça e “guarda aquilo que é mais bonito e importante”. Mas há uma coisa que ela gosta particularmente: de linhas “porque cada uma é um caminho, para o mar ou floresta”.

A narrativa combina diversas artes, como o circo, dança, desenho e música, para uma viagem interessante dos sonhos e imaginação. A par da atuação, foi criado ainda um livro inspirado na Carolina, a menina que gosta de rodar.

A ideia original e a direção artística é de Cláudia Nóvoa, interpretação de Carolina Vasconcelos e o desenho ao vivo de Rachel Caiano. A música original e interpretação está a cargo de Sílvio Rosado e a cenografia é de Joana da Matta. Os bilhetes estão disponíveis online por 4€ para miúdos maiores de três anos.

MAIS HISTÓRIAS DE COIMBRA

AGENDA