compras

O vestido da Zara que todas as mulheres deviam ter no armário custa menos de 30€

O modelo tem feito sucesso nas redes sociais e é um must have. Tem um padrão intemporal que nunca passa de moda.
É uma das grandes tendências de 2024.

A popularidade do padrão leopardo remonta ao Antigo Egito. A princesa Nefertiabet, considerada uma das filhas do Faraó Khufu, ficou imortalizada na lápide encontrada no seu túmulo, em Gizé, vestindo peles de leopardo. Ao longo dos séculos, a “moda” foi transversal a muitas outras monarquias espalhadas pelo mundo, incluindo na Europa, onde tapetes e tapeçarias neste material eram sinónimo de poder.

A história é contada pelo autora do livro “Fierce: The History of Leopard Print”, que sublinha também o ressurgimento em força deste animal print durante o movimento Art Deco. Nos anos 20 e 30 começou a surgir em casacos, onde era aplicado recorrendo a cortes com formas geométricas.

Mais tarde, Marilyn Monroe e Elizabeth Taylor começaram a usar peças com o estampado e rapidamente o tornaram sinónimo de sensualidade e glamour. Já na década de 80, o leopardo começou a ser adotado no universo punk rock e chegou até aos clubes noturnos.

Acabou por se tornar numa tendência intemporal e, atualmente, é presença habitual nos desfiles de marcas como Alexander McQueen, Balenciaga, Christian Dior ou Dolce&Gabbana. As manchas em tons de castanho nunca passaram despercebidas e estão de regresso às lojas. O novo vestido da Zara é apenas um dos exemplos do retorno da tendência.

Trata-se de um modelo curto, com um corte clássico, decote redondo e manga cava. O vestido pode ser facilmente conjugado com sapatilhas, sandálias rasas ou com saltos altos, permitindo criar um look descontraído ou mais sexy.

Apesar de já ter expressão própria, o estampado animal pode ainda ser usado com acessórios vermelhos, para um contraste entre os tons mais neutros. Uma carteira lisa e minimalista nesse tom é uma boa aposta para quem gosta de arriscar. Se o look continuar básico, pode sempre acrescentar um cinto, que irá destacar a zona da cintura, elevando o conjunto para outro patamar.

O vestido está disponível do XS ao XL e custa 29,99€ nas lojas físicas ou online da marca de fast-fashion.

Carregue na galeria para descobrir mais modelos com animal print, de várias marcas, modelos e preços.

MAIS HISTÓRIAS DE COIMBRA

AGENDA